Meus vinte e cinco anos

Cheguei aos meus vinte e cinco com uma grande mala e duas cachorras no carro. O carro que eu ainda não acabei de pagar, mas é meu. E após errar o caminho uma dezena de vezes.

Passei por lombadas, furei pneus, fiz contornos proibidos e andei na contramão. Mas com as janelas sempre abertas e a música tocando alto.

Cheguei cansada, mas esperando mais, e pronta pra mais.
O cabelo comprido, com reflexos dos anos anteriores.
Os piercings e tatuagens feitos em momentos de desafio, coragem ou diversão.
As cicatrizes das aventuras, das idiotices, ou de tristezas passadas.
Com o sabor de tudo e de todos que amo.

Cheguei sem saber direito o que eu quero, mas com a certeza do que eu não quero.

Cheguei aos meus vinte e cinco, sem saber se esse é o começo, o meio ou o fim do caminho, mas com a certeza de que a viagem vai ser foda.

Anúncios

2 Respostas para “Meus vinte e cinco anos

  1. Linda, pelo valor que tem dentro de você;
    Forte, pela coragem de romper com o que prende;
    Intensa, pela força das emoções que explodem;
    Inteligente, pelas manobras ousadas que tem feito no caminho;
    E minha, porque te trouxe em mim desde que nasci.

    Te amo

  2. Texto lindo e comentário da sua mãe mais lindo ainda. Um beijo pras duas.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s